CULTURA ORGANIZACIONAL EM UMA REDE DE FRANQUIAS: UMA ANÁLISE DA FORMA DE DISSEMINAÇÃO E MANUTENÇÃO DA CULTURA

  • Cristina Gonçalves Nogueira Redis UNIFACAAMP - Centro Universitário Campo Limpo Paulista
  • Djair Picchiai UNIFACAAMP - Centro Universitário Campo Limpo Paulista

Resumo

A formação e o fortalecimento de uma cultura são resultado da atuação do líder, que influencia a equipe gerando uma coesão. Este processo se torna mais desafiador quando se fala de um sistema de franchising, por envolver empresas distintas. Deste desafio surgiu o objetivo desta pesquisa em avaliar como uma franqueadora dissemina e mantém a cultura organizacional em sua rede de franquias, e o resultado contribui para se criar uma maior sinergia entre franqueador e franqueados, favorecendo o atingimento de objetivos. Foi realizado um estudo de caso com análise documental, entrevistas presenciais e aplicação de questionários e os resultados apontam uma cultura muito forte em temas que envolvem relacionamentos interpessoais, integração com os clientes, planejamento e gestão, e maior dispersão em temas que analisam aspectos mais internos como o bem-estar e satisfação dos empregados e práticas de recompensa e treinamento.


Palavras-Chave: Cultura Organizacional; Franchising; Padronização de processos.

Publicado
Abr 1, 2021
Como Citar
REDIS, Cristina Gonçalves Nogueira; PICCHIAI, Djair. CULTURA ORGANIZACIONAL EM UMA REDE DE FRANQUIAS: UMA ANÁLISE DA FORMA DE DISSEMINAÇÃO E MANUTENÇÃO DA CULTURA. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 7, n. 19, p. 168, abr. 2021. ISSN 2446-5763. Disponível em: <http://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/380>. Acesso em: 15 abr. 2021. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v7i19p168-183.