PANORAMA DOS PROGRAMAS SUL-AMERICANOS DE ACELERAÇÃO DE START-UPS

  • Charles Bonani de Oliveira
  • José Marques Pereira Junior

Resumo

Neste trabalho foram analisados os programas de aceleração de negócios sul-americanos para start-ups, com o objetivo de avaliar a evolução desse fenômeno nos países que compõem esse bloco econômico. Os programas de aceleração buscam atender empreendimentos em fases iniciais de desenvolvimento, fornecendo serviços básicos como espaço de coworking, mentorias, financiamento e formação empreendedora, como forma de fomentar o ecossistema local de inovação visando emprego e renda. A pergunta que norteou o trabalho foi se houve aumento no número de programas e start-ups atendidas nesses países? Além disso, há similaridades entre os programas em termos do escopo de atuação e possíveis contribuições aos ecossistemas empreendedores locais? Utilizando dados secundários, o estudo constatou que houve um crescimento significativo no número de programas de aceleração realizados e start-ups atendidas. Além disso, há uma reconfiguração desse ecosssitema, sobretudo com ascensão dos países que contaram com políticas públicas para a promoção dos programas de aceleração.

Publicado
Abr 7, 2019
Como Citar
DE OLIVEIRA, Charles Bonani; PEREIRA JUNIOR, José Marques. PANORAMA DOS PROGRAMAS SUL-AMERICANOS DE ACELERAÇÃO DE START-UPS. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 5, n. 13, p. 207, abr. 2019. ISSN 2446-5763. Disponível em: <http://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/214>. Acesso em: 17 jun. 2019. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v5i13p207-231.