AUSÊNCIA DO BRASILEIRO NO MERCADO FINANCEIRO

  • Marcos Vinicius Medeiros Fatec
  • Mirian Hanna Lima da Silva
  • Alef Sousa do Nascimento
  • Fernando de Almeida Santos

Resumo

Este artigo tem por objetivo identificar as possíveis razões para a ausência de investimento dos brasileiros no mercado financeiro e comparar, por meio de dados coletados, a relação existente entre investimento e endividamento. Para o desenvolvimento deste projeto foi aplicado um questionário online, a fim de analisar quais são as características dos entrevistados em relação às modalidades de investimentos e por quais motivos esses sujeitos não investem no mercado financeiro. Foram entrevistadas 380 pessoas que apresentaram o seguinte resultado, 75% dos participantes que possuem algum tipo de investimento disseram aplicar o seu capital na Caderneta de Poupança, um produto caracterizado pela baixa rentabilidade por ser vinculado a taxa Selic Over. Outro dado relevante mostra que a inexistência de conhecimento no mercado financeiro é um fator determinante para os que não investem em nenhum produto. Ademais, as informações coletadas também demonstram uma porcentagem alta de endividamento, pois 70% dos entrevistados se declaram devedores. Considerando as expressivas situações aferidas, pode-se estabelecer que a deficiência de conhecimento em geral no mercado de capitais leva o brasileiro a não aplicar capital ou a investir inadequadamente, pois mesmo quando há destaque em um produto, este é de baixo retorno financeiro.

Publicado
Ago 22, 2020
Como Citar
MEDEIROS, Marcos Vinicius et al. AUSÊNCIA DO BRASILEIRO NO MERCADO FINANCEIRO. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 6, n. 17, p. 211, ago. 2020. ISSN 2446-5763. Disponível em: <http://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/329>. Acesso em: 02 dez. 2020. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v6i17p211-236.