INICIALIZAÇÃO DE UMA STARTUP: UM ESTUDO DE CASO DE UMA EMPRESA DE SOFTWARE – RAMPER

  • Eloísa Fontes Camaroto Fatec Osasco
  • Lívia do Carmo Oliveira Fatec Pref. Hirant Sanazar
  • Fernando de Almeida Santos Pontifícia Universidade Catolica de São Paulo – PUC

Resumo

Este artigo apresenta um estudo de caso, com o objetivo de dissertar sobre as etapas, definidas por Barbosa (2018) e Grando et al. (2012), de inicialização de uma Startup até seu momento atual e validar as principais fases de criação, segundo os autores de base. Deduz-se que é necessário considerar os possíveis cenários que a empresa será submetida em seu processo de criação e se tornar uma empresa com um negócio sustentável e escalável. Por meio de estudos, foram determinadas seis etapas onde os autores de base da pesquisa consideram como fases cruciais para que a empresa se desenvolva com sucesso.  Para a ilustração dos cenários do processo de criação foi avaliada a real necessidade e ordem de aplicação a uma Startup presente no mercado de softwares (Ramper), com o intuito de compreender a auto avaliação da empresa, seu conhecimento, utilização e julgamento sobre tais etapas, e avaliar em relação com a bibliografia a posição real da a qual a empresa se encontra e validar as etapas dos autores.

Publicado
Ago 31, 2019
Como Citar
CAMAROTO, Eloísa Fontes; OLIVEIRA, Lívia do Carmo; SANTOS, Fernando de Almeida. INICIALIZAÇÃO DE UMA STARTUP: UM ESTUDO DE CASO DE UMA EMPRESA DE SOFTWARE – RAMPER. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 5, n. 14, p. 305, ago. 2019. ISSN 2446-5763. Disponível em: <http://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/227>. Acesso em: 21 nov. 2019. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v5i14p305-326.