PRINCIPAIS CAUSAS E A PERDA ECONÔMICA DE CONDENAÇÕES TOTAIS DE CARCAÇAS DE AVES EM FRIGOFÍFICOS ABATEDOUROS SUPERVISIONADOS PELO SIF NO RIO GRANDE DO SUL DE 2006 A 2019

  • Diego Pierotti Procópio Universidade Federal de Mato Grosso

Resumo

Objetivou-se analisar as principais causas e a perda econômica de condenações totais de carcaças de aves abatidas em frigoríficos abatedouros supervisionados pelo SIF localizados no estado de Rio Grande do Sul nos anos de 2006 a 2019. No período analisado, um total de 9,83 bilhões de aves foram abatidas, das quais 52,00 milhões de carcaças foram condenadas totalmente por diversos fatores. As principais causas de condenação total foram Aspecto Repugnante representando 24,89% (12.942.373 registros) das condenações totais, Caquexia com 16,31% (8.482.855 registros), Contaminação com 12,02% (6.253.306 registros) e Colibacilose com 11,39% (5.920.945 registros). A perda econômica determinada para essas causas foi de aproximadamente R$274,11 milhões. Recomenda-se a importância de ações que visem a capacitação de funcionários dos frigoríficos abatedouros e a adoção de boas práticas de fabricação ao longo do processo produtivo de abate e processamento da carcaça da ave, bem como ações a serem realizadas nas propriedades rurais como o planejamento nutricional do lote, boas práticas de jejum na etapa pré-abate e cuidados no processo de apanha das aves.

Publicado
Abr 10, 2020
Como Citar
PROCÓPIO, Diego Pierotti. PRINCIPAIS CAUSAS E A PERDA ECONÔMICA DE CONDENAÇÕES TOTAIS DE CARCAÇAS DE AVES EM FRIGOFÍFICOS ABATEDOUROS SUPERVISIONADOS PELO SIF NO RIO GRANDE DO SUL DE 2006 A 2019. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 6, n. 16, p. 94, abr. 2020. ISSN 2446-5763. Disponível em: <http://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/292>. Acesso em: 06 ago. 2020. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v6i16p94-106.