UTILIZAÇÃO DA PESQUISA OPERACIONAL PARA OTIMIZAR AS ROTAS DE UM MOTORISTA AUTÔNOMO EM SÃO PAULO

  • Bruno Luis Xavier Santos IFSP campus Suzano
  • Guilherme Yudi Hirakawa IFSP campus Suzano
  • Adriano Maniçoba da Silva IFSP campus Suzano
  • Wilson Yoshio Tanaka IFSP campus Suzano

Resumo

A expansão dos grandes centros urbanos agregados com o aumento de veículos nas grandes cidades e a falta de estrutura viária são os principais fatores de congestionamento, pois as cidades não estão preparadas para essa expansão. A região metropolitana de São Paulo é um exemplo disso, os motoristas buscam rotas para fugir de congestionamentos e atrasos, além de buscar reduzir o tempo gasto no seu deslocamento e o custo com combustível. Dentro desse cenário, é evidente que as rotas estratégicas são rastreadas para otimização das rotas de um motorista em São Paulo. Com os conceitos de Programação Linear e com o auxílio do Excel Solver, é possível montar o melhor modelo matemático e que atenda às suas funções e restrições de forma que consiga rastrear o melhor caminho, que economize mais tempo e gasolina. Os dados serão coletados a partir do motorista (Rota), no Google MAPS (rotas alternativas, tempo e trânsito) e no QUALP (cálculo da gasolina gasta por km), analisando dados quantitativos e qualitativos (fatores variáveis) a melhor forma de montar uma função objetivo e definir restrições.


 

Publicado
Abr 2, 2021
Como Citar
SANTOS, Bruno Luis Xavier et al. UTILIZAÇÃO DA PESQUISA OPERACIONAL PARA OTIMIZAR AS ROTAS DE UM MOTORISTA AUTÔNOMO EM SÃO PAULO. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 7, n. 19, p. 253, abr. 2021. ISSN 2446-5763. Disponível em: <https://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/392>. Acesso em: 08 maio 2021. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v7i19p253-269.