A INCUBAÇÃO DE EMPRESAS COMO FATOR ESTRATÉGICO: UM ESTUDO MULTICASOS EM INCUBADORAS PARANAENSES

  • Eric Vinicius Lucion Univel Centro Universitário
  • Gustavo Yuho Endo Business School UNOESTE
  • Silvana Anita Walter Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)

Resumo

Este artigo analisa o processo de incubação de empresas sob a perspectiva de três organizações relacionadas a duas incubadoras paranaenses com o intuito de relacionar este processo com o desenvolvimento estratégico das mesmas. Objetiva-se identificar em seu desenvolvimento se o processo de incubação de empresas pode ser considerado um fator estratégico para empresas inovadoras. Constitui-se um estudo qualitativo e para seu desenvolvimento o estudo multicasos se fez de método, realizando-se entrevistas semiestruturadas para a coleta dos dados, e análise de conteúdo para a análise dos mesmos. Conclui-se a partir deste estudo de casos múltiplos, que as incubadoras de empresas assumem caráter estratégico para os empreendedores entrevistados, assumindo caráter de sobrevivência, produção de inovação e principalmente, aspecto de fomentadora de competitividade no mercado em que estas estão se inserindo, tanto na questão de redes de relacionamentos, assim como na redução significativa de custos, associando assim duas das estratégias genéricas de Porter, liderança em custos e diferenciação.

Publicado
Dez 9, 2020
Como Citar
LUCION, Eric Vinicius; ENDO, Gustavo Yuho; WALTER, Silvana Anita. A INCUBAÇÃO DE EMPRESAS COMO FATOR ESTRATÉGICO: UM ESTUDO MULTICASOS EM INCUBADORAS PARANAENSES. South American Development Society Journal, [S.l.], v. 6, n. 18, p. 55, dez. 2020. ISSN 2446-5763. Disponível em: <https://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/330>. Acesso em: 08 maio 2021. doi: http://dx.doi.org/10.24325/issn.2446-5763.v6i18p55-81.